10 dicas para construirmos juntos um futuro mais consciente

A equipe da Liê Joias preparou 10 dicas para ajudar todo mundo a repensar o consumo daqui pra frente. A gente amou tanto que quis compartilhar por aqui também.

Vem cá, nos dê a mão, vamos juntos :)



1. REPENSE A FORMA DE CONSUMIR.

Questionar suas reais necessidades é um bom início! Algumas vezes agimos por impulso e fazemos escolhas ruins. Na hora de comprar, veja se você realmente precisa daquele item, por quanto tempo você o usará e se ele faz diferença no seu dia a dia.

Seja o seu próprio fiscal nessa hora, não permita ser levado pelo momento ou por uma propaganda sem sentido.


2. PROCURE AUTOCONHECIMENTO.

Quem sabe o que veste bem no seu corpo, conhece seu estilo, sabe o que funciona na sua rotina e a mensagem que quer passar para o mundo, não cai nas armadilhas dos modismos. Autoconhecimento é um processo demorado, mas vale cada segundo, depois que nos conhecemos, a maneira como olhamos para o mundo e para nós mesmos muda completamente e reflete em tudo.


3. NÃO SIGA MODISMOS.

Talvez o item da “moda” case muito bem com o seu estilo, aí tudo bem, se permita! Agora se você está se deixando levar pela massa, esqueça! Essa peça provavelmente ficará esquecida em dois tempos e você estará desperdiçando recursos preciosos: tempo e dinheiro. Usar algo que não te representa e não expressa a mensagem que você quer passar para o mundo é frustrante e desconfortável.



4. NÃO CAIA NO MITO DO MINIMALISMO.

“Para ser minimalista eu preciso ter um estilo escandinavo”. Não, minimalismo, neste caso, tem mais a ver com consumir na medida certa e estilo de vida, do que com estilo pessoal. Selecionar somente itens que você usa e que vestem bem no seu corpo é o caminho aqui.



5. TENHA UM ARMÁRIO ENXUTO.

Ter poucas roupas no armário é sinônimo de organização, limpeza e tempo. Além de ajudar muito na hora montar um “look”, ter poucas peças que combinam entre si te fará ser mais criativo...




6. RECICLE.

Não jogue nada fora porque rasgou ou estragou, costure, cole, reutilize, customize. Pense em novos significados para roupas e acessórios que não usa mais. Não só para estimular a criatividade, mas também para contribuir com o futuro do planeta. Até suas joias antigas podem ganhar vida nova! O ouro pode ser reciclado e usado na produção de novas peças. Essa é uma ótima forma de dar novo ciclo à uma material tão nobre, sem necessidade de extrair novamente da natureza.


7. FAÇA TESTES.

Se uma determinada roupa estiver parada no seu armário, proponhase a usá-la em um prazo de 30 dias. Caso não use, passe para outra pessoa. Nunca, jamais, coloque no lixo. Doe, procure pontos de coleta no seu bairro ou instituições que estejam precisando. Essa ideia vem ao encontro de tudo que já conversamos até agora e pode ajudar a mudar o mundo.



8. VIVA O AGORA.

Não guarde roupas que não te servem mais esperando emagrecer no próximo ano. Viva o agora e use roupas confortáveis. A vida faz muito mais sentido quando não ficamos esperando o futuro para viver e ter boas experiências.


9. INVISTA EM QUALIDADE.

Se houver a necessidade de comprar, preze pela qualidade e tenha certeza da procedência das matérias-primas. Aprender a buscar por qualidade, e não quantidade, faz parte do processo de se reeducar com relação ao consumo. Faça melhores escolhas priorizando pequenas marcas, com design autêntico, materiais sustentáveis e se possível, produções brasileiras.



10. EVITE AMBIENTES DE INCENTIVO AO CONSUMO.

Evitar locais como Shoppings, funciona muito bem. Aquela história de “o que os olhos não vêem o coração não sente” se encaixa perfeitamente aqui. Frequente lojas específicas com metas e objetivos bem definidos. Fomos criados em uma sociedade que nos condicionou a querer comprar tudo e ter cada vez mais, então se pudermos fugir desses ambientes, será meio caminho andado.


Esperamos que nossas dicas tenham ajudado! Essas mudanças não precisam ser radicais, vá devagar, toda nova atitude precisa de tempo para amadurecer e se tornar um hábito. Mas não deixe de dar o primeiro passo! Temos certeza que será bom para você, mas principalmente, que será bom para o mundo :)